Um pouco de lá e um pouco de cá. A falta de posicionamento nas academias

Você deve se lembrar de um fenômeno recente que foi o crescimento da venda das paletas mexicanas. Uma moda que veio para NÃO ficar. E quem tem tudo a ver com nosso momento no mercado de fitness.
Na euforia, tiveram gestores que abriram o negócio sem fazer o mínimo de planejamento. Acho que não se ligaram que, se eles abriram um negócio da moda com facilidade, significa que outros gestores fariam a mesma coisa. Acho que nem se preocuparam em se planejar para a sazonalidade do negócio. Vimos até casos engraçados em que essas paleterias começaram a vender fondue no inverno. Pura bagunça.
Além de não se planejarem, começaram a fazer ações desesperadas à ponto de nem saberem mais quem são verdadeiramente. São paleterias ou são casas de fondue? São especialistas em que?
E o que tudo isso tem a ver com o mercado de fitness?

Muitos acreditam que descobriram a fórmula mágica. Mas, ao invés da fórmula mágica, encontraram as paletas mexicanas do mundo fitness que logo vão derreter nas mãos de quem pegar essa “oportunidade”.
O raciocínio é o mesmo. Se você tem academia e acredita que a única solução é baixar o preço, pare e pense que, se é algo fácil de fazer, diversos outros gestores também farão. Se você vai abrir a academia e pensa que descobriu como se livrar das dificuldades com professor, montando uma grande estrutura com preço baixo, pare para pensar que outros gestores chegarão à mesma conclusão.
E, não se engane como já vimos muitos fazerem com ideias como:
– já sei! Vou montar uma low cost, só que com bom atendimento!
– tenho pouco recurso para investir, então vou montar uma low cost para poucos clientes.
– vou reduzir meus custos, mas meu foco continua sendo entregar resultados.

São coisas que não combinam! Ou você foca em ser uma Academia do Futuro e entregar resultados (e, consequentemente, seu custo vai ser mais elevado e seu preço terá que ser mais elevado!). Ou você foca em ser uma low cost.
Importante dizer: não somos contra as academias low cost. Apenas acreditamos que não se deve ser uma paleteria que vende fondue ou uma casa de fondue que vende paletas mexicanas. Se você quer ser academia low cost, seja academia low cost! Tenha excelente arquitetura, grande espaço, baixo custo, grande apoio de tecnologia e tudo o que a low cost tem. Ah… e seja uma rede de academias! Pois, sem ser uma rede, você não consegue centralizar departamentos, diluindo os custos entre unidades para ser competitiva!

Posicione-se!

3 comentários

Escreva um comentário
  1. alan
    agosto 13, 22:22 alan

    Bom post me esclareceu algumas ideias

    Responder esse comentário
  2. outubro 11, 17:41 Números do Mercado de Fitness e as Academias de Nicho – SOS Gestão de Academia

    […] é o caminho, então? O caminho é ser uma Academia do Futuro, ou seja, uma Academia Premium, uma academia que atende a um nicho de mercado. As academias low […]

    Responder esse comentário

Escreva um comentário

ver todos os comentários

Seu email não pode ser publicado. *